Dust Busters @ Sintra (31-05-2015)

Como manda a tradição... de 2 em 2 meses, mais pedalada menos queda... faço a minha aparição pelos trilhos de Sintra para ir dar um ride com os vadios das bikes daqueles lados. 
Desta vez combinei com o "Michael Mycar" (Miguel Carromeu) que por sua vez já tinha combinado com mais riders incluindo os boys do KBP que decidiram ir a Sintra também.

Fugimos um pouco à rotina habitual dos últimos tempos por ali e decidimos tentar a sorte no trilho Lucky Bikes que ainda não conhecia e tinha sido reaberto recentemente. 
Por um lado não me senti muito lucky com tanto pó pelos ares com a passagem da malta mas na verdade alguém tinha uma velinha acesa por mim que me ia estatelando duas vezes no gap da estrada que liga a segunda à terceira secção do trilho. Já não tentei a terceira vez que devia ser abusar demasiado da sorte por um dia...

Ainda antes deste duplo "save" no gap do Lucky tinha-me despistado no meio de tanto pó que o Mycar ia largando e por pouco não me embrulhei pelo drop abaixo quando o vi lá parado na berma depois do pó dispersar do caminho. Foi quase aquela sensação de chegar ao precipício e segurar-me nas pontas dos dedos no último segundo!
Logo depois disso estava a imponente rampa de lançamento... acho que nunca vi um takeoff tão gigantesco! Não impressionava pela altura mas sim pelo comprimento: QUE ABUSO... dava para uma avioneta levantar voo ali!

Depois de lhe tirar as medidas e um pouco com receio do que tinha visto nos videos da malta de DH a cravar ali flatadas a esgotar suspensões, lá me decidi apontar para lá a minha tímida Pitch que ao lado das de DH é um triciclo... mas até conseguir apanhar velocidade para chegar à recepção e mal se sentiu a dimensão do salto. Escusado será dizer que não voltei a repetir, lol. Saíu bem à primeira, filmei, tá feitoooo! Se tiver sido por pura sorte ao menos fiz boa figura, ehehehhe. 

Depois de fazer o que me tinha proposto a mim mesmo fomos até ao Monge recriar uma das PEC's da última edição do king of enduro e realmente aquele trilho "17 pés" é algo de fenomenal com os dois duplos seguidos lá a meio... Nunca me canso de lá passar.
A manhã estava no final e restava-nos apontar para o Torgas para descer até à barragem. Só tivémos de fazer uma paragem a meio porque o Rodrigo tava bruto e partiu a corrente. Depois da reparação feita ainda terminámos a horas decentes e de papinho cheio com mais uma bela manhã de enduranço.

Vídeo Partilhado por:
Ver Perfil
Portugal BTT
O que acha deste Vídeo:

Comentários: